Segunda-Feira , 22 Janeiro 2018

Até esta terça-feira (9), a Secretaria Municipal de Educação (Smed) registrou 105.800 alunos que cursarão os segmentos Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II, e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Em todos esses níveis de ensino foram disponibilizadas 166.900 vagas.

As matrículas para alunos novos que vão cursar o 1º ano do Ensino Fundamental começaram nesta terça. Para estudantes do 2º e do 3º ano e da EJA, as matrículas começam na quarta-feira (10). Na sexta (12), ocorrerão os procedimentos para inserção de novos alunos do 4º e do 5º ano; e na próxima segunda-feira (15), para os que cursarão do 6º ao 9º ano.

A rede municipal de ensino conta, atualmente, com 339 escolas e 98 creches e pré-escolas, além de Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs). Todas as unidades funcionam como postos de matrícula para vagas em qualquer bairro, como explica a Diretoria Pedagógica, Nilce Gama: “por exemplo, o pai ou a mãe podem estar na ilha (de Maré, dos Frades ou de Bom Jesus dos Passos) e efetuar a matrícula lá mesmo para o filho que vai estudar numa escola municipal no Cabula”.

As matrículas ocorrerão dessa forma, descentralizada, até o dia 27 deste mês, mas continuam nas próprias escolas durante todo ano - para alunos que farão transferência de unidade no decorrer dos meses.

Dos 105.800 mil alunos matriculados até então, 14 mil foram para o nível Educação Infantil, oferecido em creches e pré-escolas e atende crianças de 0 a 5 anos. Esta é a primeira etapa da educação básica e visa o desenvolvimento integral e integrado da criança.

Outras 83.800 matrículas foram feitas para o Ensino Fundamental. O segmento tem duração mínima de nove anos – divididos em dois ciclos – e tem como finalidade proporcionar o desenvolvimento das capacidades de aprendizagem, considerando a aquisição de conhecimentos, habilidades e competências básicas necessárias na formação de atitudes de valores intrínsecos ao exercício da cidadania.

E 8 mil estudantes estão matriculados para cursar a EJA, modalidade constituída por quatro tempos de aprendizagem, com o objetivo de desenvolver o ensino fundamental e médio com qualidade para as pessoas que não possuem idade escolar.